O que você precisa saber sobre aparelho auditivo? - Winaudio - O seu software de audiometria
WinAudio
Afinal, o que é Audiometria?
2 dezembro, 2015
WinAudio
Fatos Sobre Perda Auditiva
25 julho, 2016

O que você precisa saber sobre aparelho auditivo?

WinAudio

O que você precisa saber sobre aparelho auditivo?
Por Fga. Patrícia Otero Boehl – Especializada em Audiologia Clínica e Ocupacional

A deficiência auditiva pode ocorrer em qualquer idade e a qualquer tempo. Inúmeras são as causas que podem afetar a acuidade auditiva de um indivíduo. É possível detectar a perda da audição logo nos primeiros dias de vida, ou seja, atualmente, não há mais motivo para que não cuidemos de forma precoce, de nossa saúde auditiva.
Pode haver demora em detectar uma perda auditiva por ser esta um problema que não se vê nem se toca, entretanto a gravidade das consequências da privação da audição podem ser nefastas àqueles que por ela são acometidos. É sabido que, se ordenarmos as consequências supramencionadas por faixa etária, poderemos observar desde alterações relevantes no processo de aprendizagem da criança e do adolescente até processos depressivos e de isolamento entre adultos e idosos.
Dada relevância das questões mencionadas até o momento, faz-se de extrema importância que a população esteja cada vez mais informada a respeito dos benefícios do uso de aparelho auditivo, e para isso, é importante que tal eletrônico perca qualquer conotação pejorativa e seja visto como um acessório de extrema valia por parte dos usuários e daqueles que podem, no futuro se valer da tecnologia ofertada pelo mercado.
Você sabe o que é um aparelho auditivo? Sabe de verdade?
Pois bem, vamos lá! Um aparelho auditivo é, de forma bastante simplificada, um amplificador de som que, tem como finalidade ajudar as pessoas com perda auditiva a receber o som ambiente em qualquer intensidade e amplificá-lo ao ponto de que o mesmo seja percebido através da audição.
Com o desenvolvimento da tecnologia digital aliado ao investimento em design ,os AASI´s (aparelhos de amplificação sonora individual) se tornaram cada vez mais modernos, esteticamente aceitáveis e com funções bem mais aprimoradas deixando, deste modo, de se tratarem apenas de amplificadores de som.
Isto posto, pode- se afirmar, que possuímos no mercado aparelhos auditivos capazes de atuar em compressão de frequências, além da implementação de vários filtros que possibilitam a melhora da compreensão da fala viabilizando suporte às muitas funções do sistema auditivo como localização sonora, compreensão de fala, dentre outros.
Porque as empresas desenvolveram tecnologias mais avançadas e aparelhos com mais capacidade de programações e número de canais?
Bom, pensemos que, por exemplo, os ruídos de fundo sempre se mostraram um dos maiores problemas dos usuários de prótese auditiva. A tecnologia mais avançada permite a redução destes ruídos através de filtros específicos manipulados pelo profissional fonoaudiólogo. Do mesmo modo, o avanço tecnológico permite que o profissional utilize os recursos do aparelho para que haja maior realce dos sons da fala, facilitando a compreensão de conversas em grupo e escuta da fala em ambientes ruidosos.
Este processo irá se realizar de forma automática dentro do aparelho auditivo, ou seja, não há necessidade do paciente acionar dispositivos para que as mudanças ocorram o que permite maior liberdade ao usuário da prótese auditiva.
Finalmente, muitos recursos estão disponíveis hoje no mercado para que o paciente possa não apenas ouvir melhor como também compreender o que está sendo dito. O processamento da fala se dá em área específica do cérebro e a privação da audição é um dos mais sérios obstáculos para um bom funcionamento da habilidade do Processamento Auditivo Central, em se tratando de portadores de surdez, independentemente do grau da mesma.
Agora você já tem uma ideia razoável do que um aparelho auditivo pode fazer pela sua saúde auditiva e por isso, não deve se contentar com qualquer explicação feita por qualquer pessoa. Você é único, seus sintomas são únicos e portanto, você merece e tem o direito de solicitar o atendimento de um profissional habilitado para lhe prestar desde a informação até a seleção e adaptação de um bom aparelho.
Exija um profissional fonoaudiólogo, é um direito seu!

Fga. Patrícia Otero Boehl
Especializada em Audiologia Clínica e Ocupacional